Receba as newsletters da ABEN:
Imagem loading
English

Pesquise uma Notícia

Por Data:

Ver Mais: 1 : 2 : 3 : 4 : 5 : 6 : 7 : 8 : 9 : 10

Utilização do lítio na indústria nuclear gera parceria entre Ipen/Cnen e Companhia Brasileira de Lítio

(23/09/20) Cerimônia online teve homenagem a Alcidio Abrão, que foi o pioneiro e inspirou cientistas do projeto com a frase: "A gente vai avançando sem deixar morrer o estímulo científico".

O Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares, unidade da Comissão Nacional de Energia Nuclear (Ipen/Cnen), e a Companhia Brasileira de Lítio (CBL) formalizaram parceria visando à produção do isótopo de lítio-7 por meio do processo de troca iônica, após uma primeira etapa - a purificação do lítio em nível maior que 99,99% - ter sido bem sucedida. O Acordo de Parceria em Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação foi formalizado via web na sexta-feira, 18/09, e publicado no Diário Oficial da União (D.O.U.) desta segunda-feira, 21/09 (Edição 181, Seção 3).

A expectativa é de que a produção do isótopo lítio-7 torne o Brasil independente da importação desse material estratégico para a indústria nuclear. No âmbito científico, espera-se que a iniciativa possa gerar uma patente de separação do lítio-7, tornando o país uma das poucas nações do mundo a dominarem essa tecnologia. O recurso total para viabilizar o Acordo, com vigência de dois anos, é de R$ 2.388.265,34, sendo o aporte da CBL no valor de R$ 1.643.543,00, dos quais uma parte - R$ 593.334,00 - será repassada via Fundação de Desenvolvimento da Pesquisa (Fundep), também signatária do documento.

Leia a notícia completa aqui.

Fonte: Assessoria de Comunicação Social da Comissão Nacional de Energia Nuclear (Cnen)

Associação Brasileira de Energia Nuclear

Rua Candelária, nº 65, 14º andar - Centro, Rio de Janeiro (RJ) - CEP 20.091-906 / Tel: (21) 2266-0480 / (21) 2588-7000 - ramal 4721