Receba as newsletters da ABEN:
Imagem loading
English

Pesquise uma Notícia

Por Data:

Ver Mais: 1 : 2 : 3 : 4 : 5 : 6 : 7 : 8 : 9 : 10

Em missão no Brasil, diretor geral da NEA/OECD visita sede da Cnen e faz palestra no Ipen

(08/11/19) O diretor geral da Nuclear Energy Agency, pertencente à Organisation for Economic Co-operation and Development (NEA/OECD), William Magwood, esteve reunido com diretores e presidente da Comissão Nacional de Energia Nuclear (Cnen) no dia 4 de novembro, na sede da Cnen, no Rio de Janeiro. No dia 6, ele esteve no Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (Ipen/Cnen-SP), onde proferiu, pela manhã, a palestra "The Nuclear Energy Agency (NEA/OECD) and the role of nuclear energy in the climate change mitigation efforts" ("A Agência de Energia Nuclear - NEA / OCDE - e o papel da energia nuclear nos esforços de mitigação das mudanças climáticas", em tradução livre), no auditório Prof. Dr. Rômulo Ribeiro Pieroni, e, à tarde, visitou três centros de pesquisa do Instituto.

Na sede da Cnen, o diretor da NEA/OECD apresentou sua instituição e também assistiu a uma apresentação sobre a Comissão. No Ipen, acompanhado de sua assessora Giovanna Piccareta, do segundo secretário do Ministério das Relações Exteriores do Brasil (MRE), Irineu Paes Pacheco Barreto, e da coordenadora geral de Assuntos Internacionais da Cnen, Viviane da Silva Simões, Magwood conheceu um pouco sobre a história do Instituto no Espaço Cultural Marcelo Damy, acompanhado pelo diretor da instituição, Wilson Calvo, e de José Augusto Perrotta.

Após a visita ao Espaço Cultural Marcelo Damy, já na sala de reuniões da Superintendência, os convidados assistiram a um filme sobre o Reator Multipropósito Brasileiro (RMB), projeto do qual Perrotta é coordenador técnico. "É um prazer muito grande estar aqui ao lado do Dr. Magwood, ainda mais para falar de um tema tão importante", comentou Calvo, antes de passar a palavra ao convidado.

Após a palestra, os visitantes seguiram para o Centro do Reator de Pesquisas (CERPQ), onde puderam conhecer o Reator Nuclear de Pesquisa IEA-R1, o primeiro reator de pesquisas do Brasil, em atividade desde 1957. Eles foram recepcionados pelo gerente do Centro, Frederico Antonio Genezini, que resumiu a história do IEA-R1, desde a sua primeira operação.

O Centro de Radiofarmácia (CECRF) foi o segundo visitado pela comitiva, recepcionada pelos pesquisadores Efraim Araujo Perini, chefe do Centro, e Jair Mengatti, coordenador de Produtos e Serviços do Ipen. O CECRF é o responsável por uma das principais atividades do Instituto: a produção de radiofármacos para o uso na medicina nuclear em clínicas de todo o País. Perini e Mengatti mostraram a vitrine de radiofármacos e a área de células quentes aos visitantes.

A última visita foi no Centro de Tecnologia das Radiações (Ceter). O grupo conheceu o Irradiador Multipropósito de Cobalto-60, utilizado, prioritariamente, para as necessidades do Instituto, como a esterilização dos recipientes usados para transporte e uso de radiofármacos, e também esterilização de rações e outros insumos do biotério da radiobiologia. Lá são feitas ainda irradiações de suporte às pesquisas desenvolvidas no Ipen e em instituições parceiras. Ainda no Ceter, os visitantes conheceram os aceleradores instrumentais de elétrons.

"Achei o evento bastante interessante para a área de reatores nucleares e energia nuclear, no geral. Foi um encontro muito positivo, pois temos um vínculo forte com a Agência Internacional de Energia Atômica, por meio de projetos, pesquisas e encontros. Em alguns eventos, temos apoio direto da Agência, oferecemos nossas instalações e considero importante o vínculo com esses países mais diretamente", afirmou Maria Helena Sampaio, pesquisadora aposentada, colaboradora do Ceter.

A missão de Magwood no Brasil ocorreu de 4 a 8 de novembro. Neste período, além da Cnen, ele visitou outras instituições brasileiras ligadas ao setor nuclear nacional. Na manhã desta sexta-feira (08/11), último dia de sua programação, teve uma reunião com o ministro Marcos Pontes, da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC).

Texto: Rafaelle Pereira, estagiária, com supervisão da Assessoria de Comunicação do Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (Ipen/Cnen) / Comunicação Social da Comissão Nacional de Energia Nuclear (Cnen)

Associação Brasileira de Energia Nuclear

Rua Candelária, nº 65, 14º andar - Centro, Rio de Janeiro (RJ) - CEP 20.091-906 / Tel: (21) 2266-0480 / (21) 2588-7000 - ramal 4721