Receba as newsletters da ABEN:
Imagem loading
English

Pesquise uma Notícia

Por Data:

Ver Mais: 1 : 2 : 3 : 4 : 5 : 6 : 7 : 8 : 9 : 10

Aben comemora aprovação do relatório da MP que possibilita a retomada de Angra 3

(14/05/18) A Associação Brasileira de Energia Nuclear (Aben) ficou bastante satisfeita com a aprovação do relatório da Medida Provisória (MP) 814/2017, que trata da privatização da Eletrobras e da revisão da tarifa da futura energia de Angra 3. Em carta enviada ao ministro de Minas e Energia, Moreira Franco, e ao relator da MP, deputado Júlio Lopes, a entidade disse que o reinício das obras e conclusão do empreendimento vai garantir a segurança energética do Brasil. A associação também agradeceu ao comprometimento do ministro e do parlamentar na questão de Angra 3.

Segundo a presidente da Aben, Olga Simbalista (foto), a usina é de extrema relevância porque "é um vetor de indução ao crescimento econômico, à modernização técnico-científica, ao bem-estar da população da região de Angra dos Reis e das áreas adjacentes". A Aben, junto com outras entidades do setor, como a Associação Brasileira para Desenvolvimento de Atividades Nucleares (Abdan), tem insistido na tecla de que a nucleoeletricidade assegura a existência de uma fonte de geração limpa, operando na base do Sistema Interligado Nacional (SIN), com baixo custo de combustível, visando complementar a geração de energia elétrica por fontes hídrica e renováveis.

Nesta segunda-feira, conforme o Petronotícias revelou, um estudo feito pela Eletronuclear concluiu que mesmo se o custo da Usina Nuclear Angra 3 for quase o dobro do que foi previsto no seu contrato, o consumidor final da energia até terá economia nas contas de luz. O documento compara o custo atual da geração elétrica no país e com usinas térmicas a gás ou diesel, e substitui parte dessa energia pela que será gerada por Angra 3.

Foto: Divulgação

Fonte: Petronotícias - RJ (a matéria original está disponível aqui)

Associação Brasileira de Energia Nuclear

Av. Rio Branco, 53, 17º andar, sala 1.702 - Centro Rio de Janeiro (RJ) - CEP 20.090-004 Tel/Fax: (21) 2203-0577 / 2266-0480